1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem avaliações)
Loading...

Concurso público Policia Militar SP – Inscrições

Ingressar na Polícia Militar sempre foi um dos sonhos de criança, mas para realizar esse sonho é preciso prestar Concurso Público para entrar na Corporação, as vagas não são muitas, mas a concorrência é grande, por isso é preciso estar muito bem preparado para quando a oportunidade chegar.

Polícia Militar

A Polícia Militar é uma força do Estado, que cuida daquilo que está acontecendo agora ou acabou de acontecer, é a polícia que cuida e previne, fazendo o patrulhamento de rua, preservação da ordem pública. Faz parte da Policia Militar, a corporação dos Bombeiros militares. Ela é formada em preceitos de hierarquia e disciplina, com patentes, e graduações, da mesma maneira que ocorre no Exército Nacional.

Foi aberto Concurso Público para Polícia Militar em SP com objetivo de preencher 74 vagas de nível superior para o cargo de 2ª tenente médico PM estagiário.

Inscrições

As inscrições devem ser feitas entre 4 de Abril a 8 de Maio de 2017, apenas pelo site da Vunesp, que é a empresa que produz e aplica a prova. No site da Vunesp também é possível ver o edital, com as vagas por região, já que estamos falando de Concurso em âmbito estadual. Para validar a sua inscrição, é imprescindível pagar a taxa de inscrição, no valor de R$ 200,00, sem o pagamento da taxa a sua inscrição não é validade, atente-se para o prazo de vencimento do boleto.

Pelo site, também, é possível acompanhar o andamento da sua inscrição, assim como o local de prova, há uma data provável, a ser confirmada, para aplicação de prova em 11 de Junho em algumas cidades do Estado, como Araçatuba, Bauru, Campinas, Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo e Sorocaba. Para se inscrever é preciso ter entre 17 e 35 anos, ter concluído o curso superior de Medicina e possuir o título de especialista, ou certificado de residência médica ou declaração de o estar cursando, no mínimo, o último ano de residência médica.

Vagas

As vagas são amplas para as especialidades de anestesiologia (5 vagas), cancerologia oncologia clínica (2 vagas), cardiologia (5 vagas), cirurgia de mão (1 vaga), cirurgia de cabeça e pescoço (1 vaga), cirurgia geral (6 vagas), cirurgia plástica (1 vaga), cirurgia torácica (1 vaga), cirurgia vascular (2 vagas), clínica médica (2 vagas), dermatologia (1 vaga), endocrinologia e metabologia (3 vagas), endoscopia (2 vagas), gastroenterologia (2 vagas), ginecologia e obstetrícia (1 vaga), hematologia e hemoterapia (1 vaga), infectologia (2 vagas), medicina física e reabilitação (2 vagas), medicina intensiva (6 vagas), nefrologia (1 vaga), neurocirurgia (1 vaga), neurologia (2 vagas), oftalmologia (1 vaga), ortopedia e traumatologia (7 vagas), otorrinolaringologia (2 vagas), pneumologia (1 vaga), psiquiatria (5 vagas), radiologia e diagnóstico por imagem (2 vagas), reumatologia (2 vagas) e urologia (4 vagas).

Prova

A prova aplicada é objetiva e dissertativa, além de exames de aptidão física, exames de saúde, exames psicológicos, avaliação de conduta social, da reputação e da idoneidade e análise de documentos. A prova objetiva contará com 60 questões de múltipla escolha com conhecimentos específicos em Medicina, conhecimentos gerais em Medicina, interpretação de textos, noções básicas de informática, noções de administração pública. A prova dissertativa será composta por uma discussão de caso clínico. As duas provas serão aplicadas simultaneamente.

O salário, em caso de aprovação, é de R$ 6.458,57.